Loading...

Legumes com sabor a mar


Mais um exemplo de adaptação da paisagem ao mundo rural. Os fortes ventos são óptimos para afastar os parasitas, embora me pareça que ainda se utilizem químicos. Não é rara a presença destas hortas no litoral de Vila do Conde.
Um pormenor:
Sabe para que servem as garrafas de plástico colocadas em paus espetados na terra, que se vêm na fotografia? O leve batucar ressoa na estaca, que emite vibrações no solo para afastar os roedores, nomeadamente as toupeiras.

Esta magnífica horta encontra-se mesmo em cima das rochas, as quais serviram de socalco natural (com um pouco de ajuda de mão humana).

 Para lá do estreito canavial, uns metros abaixo, quem se estende ao sol são os banhistas.


Com uma horta destas (adaptando-a totalmente a agricultura biológica), virava agricultora! E você?

2 comentários:

Rafael Carvalho disse...

A maresia já dará meio tempero aos legumes!
Na região de Aveiro conheço algumas hortas em situação semelhante. Contudo, protegidas pelas dunas, não vêem o mar.
Cumprimentos.

AC disse...

apesar de ter colocado esta postagem, pergunto-me se, efectivamente, este género de acção humana não será prejudicial para o ecossistema dunar. Cumprimentos ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...